AMTU Marília - Transporte Coletivo Urbano de Marília

AMTU Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU Transporte Coletivo Urbano de Marília
AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília AMTU - Transporte Coletivo Urbano de Marília

INTEGRAÇÃO: Você sabe o que é?


A integração temporal é uma opção adicional ao sistema de Bilhetagem Eletrônica, existente desde Maio de 2013, através do qual o usuário pode trocar de ônibus, sem pagar uma nova tarifa, desde que se passe na catraca do ônibus seguinte dentro de um determinado período de tempo. Está associada ao débito de créditos armazenados nos cartões. Assim, os usuários que possuem os cartões eletrônicos Marília Card em suas categorias: Vale-Transporte, Estudante/Professor, Comum, desde que contendo saldo positivo, poderão se beneficiar da integração temporal sem a necessidade de se confinar no Terminal Urbano.

Ao apresentar seu cartão no validador do primeiro ônibus, será debitada uma passagem no cartão. Após o débito, o equipamento (validador) gravará no cartão dados referentes à data, hora, linha, sentido e tempo de integração.

Ao apresentar seu cartão no equipamento validador do segundo ônibus, será verificado se existe informações gravadas no cartão referente à integração temporal. Existindo tais informações, o equipamento verificará se a linha e o sentido desse segundo ônibus pode integrar com a linha e o sentido do primeiro ônibus, tomando por base a matriz de integração.

Se a integração não for permitida, haverá o débito de nova passagem. Se a integração for permitida, o validador verificará se o tempo de integração não foi esgotado. Se o tempo já tiver sido consumido, haverá o débito de uma nova passagem. Se o tempo de integração não tiver sido consumido, o validador não debitará nenhum valor do cartão dando assim o direito à integração.

O período para integração temporal é identificado de acordo com os dados gravados no cartão no momento do uso. Este tempo é considerado a partir do momento em que ocorre o primeiro débito do cartão ao aproximá-lo no validador.

Como funciona a integração temporal?

Ao passar na catraca do primeiro ônibus, o usuário apresentará seu cartão ao validador. Não existindo saldo, o cartão eletrônico será recusado, devendo o usuário pagar sua passagem em espécie. Nesse caso, não haverá gravação de informações no cartão e o titular deverá efetuar a integração somente através do Terminal Urbano.

Existindo saldo no cartão, será debitada uma passagem no cartão eletrônico de acordo com o perfil do mesmo (Comum/Vale Transporte/Estudante/Professor). Após o débito, o validador gravará no cartão dados referentes à data, hora, linha, sentido e tempo de integração que, em Marília é de até 60 minutos.

O usuário desce na parada onde pretende embarcar em outro ônibus de outra linha e, ao entrar no segundo ônibus, apresentará seu cartão ao validador, o qual verificará se há informações gravadas no cartão referente à integração temporal.

Existindo tais informações, o validador verificará se a linha e sentido desse segundo Ônibus pode integrar com a linha e o sentido do primeiro ônibus, tomando por base a matriz de integração. Aparecerá o nome INTEGRAÇÃO e a catraca será liberada sem ser debitada uma nova passagem.

Se o tempo de integração não tiver sido consumido, o validador não debitará nenhum valor do cartão e gravará novos dados referentes à data, hora, linha, sentido e tempo de integração.

O que é permitido na integração temporal?
I – Permitir um deslocamento do usuário de uma origem a um destino, utilizando a integração no espaço de uma hora;
II – A integração que o usuário utilizar deverá se dar de um bairro para outro, sem pagar duas passagens e sem precisar se deslocar até um terminal de integração;

O que NÃO é permitido na integração temporal?
I – Pegar ônibus da mesma linha (Nem para continuar a viagem e nem pra voltar);
II – Utilizar o Terminal Urbano e posteriormente uma linha. O Terminal não integra com nenhuma linha do Sistema;
III – Tempo para fazer a integração temporal é de 60 minutos a partir do primeiro ônibus. Caso exceda, será debitada nova tarifa.

VANTAGENS: O uso do cartão possui vantagens para qualquer o usuário e para todo o sistema de transporte coletivo:

1.    Segurança – a circulação de menos dinheiro dentro do ônibus desfavorece a ocorrência de assaltos. E em caso de perda ou roubo, é só bloquear o cartão;
2.    Economia – no intervalo de 60 minutos, o titular do cartão pode utilizar dois ônibus e pagar apenas uma passagem respeitando as regras da integração.
3.    Praticidade – o usuário pode fazer integração com outra linha em qualquer ponto de parada sem precisar ir ao Terminal Urbano.
4.    Agilidade – o embarque fica mais rápido, já que não é preciso aguardar o recebimento de troco e otimiza a linha, reduzindo inclusive o tempo do percurso;

Como adquirir um dos cartões Marília Card?
O cartão pode ser adquirido gratuitamente guichê de atendimento no Terminal Urbano via formulário específico, na Loja da AMTU e também poderá antecipar seu cadastro pelo próprio site: amtumarilia.com.br e posteriormente retirá-lo nos pontos de atendimento.

Voltar Imprimir

Empresas Associadas

AMTU Marília



 Rua Maranhão, 43 - Centro


(14) 3402-9010 / 0800-777 8181
AMTU Marília


(14) 3303-3550
Grande Marília

 

(14) 3316-8848 / 3402-8600
Sorriso de Marília





Siga-nos no Facebook:
www.facebook.com/amtumariliasp

  
Todos os Direitos Reservados - AMTU Marília ® - 2013 (c)
www.amtumarilia.com.br
Fone Principal Fale Conosco
menu ›